Implante Dentário

Através dessa especialidade substituimos dentes perdidos sem a necessidade de próteses fixas ou móveis. Através de uma cirurgia é colocado um implante (estrutura de titanio) no osso maxilar abaixo da gengiva para assim repor as raízes dentárias perdidas.

  • O que é o implante dentário?
  • Tipos de Implantes e tratamentos:
  • Quais as contra-indicações em fazer o implante dentário?
  • Quais exames são solicitados para fazer o implante dentário?
  • Como cuidar do implante?
Implante em Santos, SP

Saiba tudo sobre Implante Dentário

O que é o implante dentário?

O implante dentário é um pino de titânio que ao ser colocado na maxila copia a função da raiz perdida. O implante é instalado em um procedimento cirúrgico, simples, rápido e indolor. Em média após seis meses da instalação, a gengiva é reaberta e moldada para colocação das próteses fixas, parafusadas ou cimentadas, permitindo ao paciente de volta às funções mastigatórias e estéticas.

Tipos de Implantes e tratamentos

Implantes unitários:

Com a perda de um único dente pode ser instalado um implante e fixado sobre ele, uma coroa unitária de porcelana, devolvendo mastigação e estética.

 

implante dentário - unitário - Solução Oral Odontologia

Implantes múltiplos em perdas parciais:

Com a perda de dois ou mais dentes, ficamos com uma região sem dentes. Nesses espaços maiores, podem ser instalados dois ou mais implantes e sobre eles, colocada fixamente uma prótese fixa de porcelana.

 

implante dentário - implantes múltiplos - Solução Oral Odontologia

Implantes em perdas totais – reabilitação sistema protocolo:

Com a perda de todos os dentes em uma mesma arcada, pode ser instalados quatro a seis implantes, e sobre eles será fixada uma prótese total, que podem ser de porcelana ou resina. É o que chamamos de Dentadura Fixa.

 

implante dentário - implantes múltiplos - Solução Oral Odontologia

Implantes em perdas totais – reabilitação sistema overdenture (orings):

Overdenture ou Sobredentadura é qualquer prótese dentária removível que substitui os dentes perdidos. Ela é instalada sobre dois ou mais implantes dentários. É uma das medidas mais práticas utilizadas na odontologia, devido ao baixo custo.

 

implante dentário - protocolo fixo - Solução Oral Odontologia

Carga Imediata:

O Tratamento de carga imediata consiste em coroas ou próteses provisórias que são instalados sobre os implantes imediatamente após sua inserção no osso. Essas próteses colocadas são provisórias e meses depois devem ser substituídas pelas definitivas. O objetivo é não deixar o paciente sem dente em momento algum, com a mais alta tecnologia e conforto, pois o tratamento é totalmente indolor.

Quais as contraindicações em fazer o implante dentário?

Assim como qualquer outro tratamento na área da saúde, os implantes também tem contraindicações e quanto maior o número de fatores, as chances de sucesso diminuem. São eles:

 

  • Pacientes diabéticos descompensados ou que não tratam;
  • Pacientes hipertensos (pressão alta) descompensados ou que não tratam;
  • Pacientes com problemas cardíacos que não fazem o tratamento;
  • Pacientes que estão em tratamento de radioterapia;
  • Pacientes que fazem uso de medicamentos com bifosfonatos;
  • Pacientes que usam medicamentos que afetam a cicatrização óssea;
  • Pacientes em crescimento;
  • Pacientes com má higiene oral;

Quais exames são solicitados para fazer o implante dentário?

Em uma consulta prévia a cirurgia, o paciente deve apresentar exames laboratoriais:

  • hemograma completo;
  • glicemia de jejum e hemoglobina glicada;
  • coagulograma;
  • fosfatase alcalina;
  • cálcio;
  • colesterol;
  • vitamina D;
  • CTX e HIV;
  • exames radiográficos (raio x panorâmico e tomografia).

Em alguns casos, solicitamos ao paciente apresentar uma autorização médica para realização da cirurgia (pacientes com mais de 60 anos de idade e/ou com alguma doença sistêmica).

Como cuidar do implante?

A manutenção é determinante para uma vida longa ao implante, que em média é de 10 anos se bem cuidado. O paciente deve realizar a escovação normal com o auxílio de:

 

  • uma escova dental (manual ou elétrica);
  • fio dental com passa fio (no caso de prótese unida);
  • escovas interdentais;
  • uso de um irrigador oral que possui um motor especialmente desenvolvido para produzir um jato de água com pressão regulável;
  • pastas dentais pouco abrasivas (para não arranhar a coroa de porcelana);
  • O uso de bochechos à base de Clorexidina conforme orientação do dentista);

 

As consultas de manutenção devem ser agendadas conforme cada caso, mas em média uma vez ao ano, o paciente deve visitar o dentista para:

 

  • pedido radiografia periapical ou panorâmica;
  • limpeza da peça;
  • verificação da adaptação da peça protética.

E aí, gostou do conteúdo acima? Conheça nossa página no Facebook. Não esqueça de compartilhar em suas redes sociais e de marcar seus amigos. Fique de olho em mais novidades e até a próxima!

Nossos Contatos

 

(13) 99161-4512 / (13) 99209-2707

contato@solucaooral.com.br

Luis de Camões, 234 sl 14

WhatsApp chat